Caríssimo(a) irmão(ã), seja bem-vindo(a)!

24 de abril de 2024

11º Oitavário de São Geraldo Majela em Itabira

15/07/2020 . Notícias da Diocese

O Santuário de São Geraldo Majela, em Itabira, esteve em festa do dia 6 a 13 de julho de 2020, celebrando o 11º Oitavário do seu santo padroeiro. Motivados pelo tema: Com São Geraldo alegrando-nos na esperança, celebramos com muito fervor os oito dias de oração com a presidência do Pároco Padre Ueliton e do vigário Padre Edson, que contou com a colaboração da pastoral litúrgica e da PASCOM. Todos os anos, neste período, o santuário fica repleto de fiéis que se reúnem para rezar a missa, fazer os seus pedidos, mas também agradecer a Deus pelas bênçãos recebidas. Porém, em decorrência da pandemia do novo coronavírus (COVID-19), o Oitavário foi realizado de uma maneira diferente. Podemos até dizer, que ganhou uma dimensão especial, pois tivemos a oportunidade de participarmos de nossas casas, pequenas igrejas domésticas. Sim, o Oitavário foi especial para nós que, em muitas situações pela qual passamos, permanecemos com um olhar otimista para conseguirmos vencer os obstáculos com fé e esperança.

As missas e a adoração ao Santíssimo Sacramento foram transmitidas pelas redes sociais e pela rádio, permitindo que os fiéis acompanhassem e participassem dos ritos litúrgicos e devocionais. Para cada dia havia um versículo bíblico motivador e, como de costume, acendia-se uma vela por uma prece específica. Sendo assim, a segunda-feira foi o acendimento da vela da alegria; na terça, da libertação; na quarta, da unidade; quinta, da esperança; sexta, do perdão; sábado, da restauração; domingo, da paz; e segunda, da vitória. Sempre o Oitavário inicia em uma segunda e encerra na outra segunda. Numa segunda-feira começa com o rito de abertura das portas e na outra termina com o momento de ação de graças. Um percurso de fé que tem por objetivo nos levar a agradecer a Deus por tudo que Ele faz por nós.

Acredito que esses dias de oração contribuiu com a nossa espiritualidade e amadurecimento na fé. Que as palavras do Evangelho seja sempre o nosso alimento e sustento, principalmente hoje em que nossas comunidades eclesiais estão impossibilitadas de comungarem Jesus Eucarístico, na espécie do pão consagrado. Que essa situação nos ajude a valorizar cada vez mais a Palavra de Deus e as pessoas com as quais nós convivemos, pois são elas que estão sendo a base e a força para esse tempo atribulado que estamos vivendo. Pedimos a intercessão de São Geraldo Majela para nos abençoar neste tempo de pandemia e quando tudo isso passar possamos como irmãos vivenciar a partilha e a comunhão fraterna.

Seminarista Júlio César Santos – 2º ano de Teologia

Itabira, 15 de julho de 2020