Caríssimo(a) irmão(ã), seja bem-vindo(a)!

27 de fevereiro de 2024

Missa com Bênção especial aos professores na Região Pastoral 2

20/10/2023 . Notícias da Diocese

Como gesto concreto da Campanha da Fraternidade 2022- “Fraternidade e educação”, a Diocese de Itabira-Coronel Fabriciano assumiu a implantação da Pastoral da Educação. Gradativamente desde então a Região Pastoral 2 tem feito várias atividades para que isto se torne realidade. O Diácono Permanente João Paulo Oliveira que também é professor da Rede pública em João Monlevade e São Gonçalo, junto ao Diácono Transitório Júlio César e Secretariado regional, através de Ana Maria de Sena, que também é Pedagoga tem buscado caminhos para que a Pastoral da Educação se concretize. Em setembro foi realizada com participação significativa de educadores em Alvinópolis uma tarde de Espiritualidade. O objetivo busca refletir, partilhar e traçar caminhos para fortalecer a presença evangelizadora nos múltiplos espaços educativos.

Nesta perspectiva em sintonia com a proposta da CNBB para o Dia do Educador, 15 de outubro, que traz como o tema deste ano, “Educar com o coração: testemunhar, formar, inspirar”, a Região Pastoral 2 incentivou um convite especial a todas as Paróquias celebrarem este dia reconhecendo e valorizando o papel fundamental dos educadores na formação da sociedade.

A Paróquia São Luís Maria de Monfort realizou uma missa especial com participação dos educadores na Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Bairro Loanda, presidida pelo Pe. Jesu e participação do Diácono Permanente João Paulo Oliveira. Em Alvinópolis, quase cem professores da ativa e aposentados lotaram a Igreja Nossa Senhora do Rosário, missa presidida pelo Pe. Marcos Rosa com participação do Diácono Provisório Júlio César. Na Matriz de São Domingos de Gusmão, Prata, o Pe. Willian Moreira presidiu a missa. Na Paróquia São Miguel de Rio Piracicaba, Pe. José Ricardo dos Santos presidiu a missa na Igreja do Bom Jesus. Nas demais paróquias houve também bênção e preces especiais aos professores. Em todas houve sorteio de brindes doados pelo Comércio local. Segue homenagem prestada pelo Diácono Provisório Júlio César e algumas fotos das festividades.

HOMENAGEM PARA OS PROFESSORES

A nossa comunidade paroquial, nesta noite, se alegra juntamente com os professores aqui presentes para agradecer a Deus pela vocação de ensinar e de amar. Diante de tantos desafios e obstáculos no campo da educação, queremos destacar que essa missão requer muitas vezes o esvaziar-se de si para ir ao encontro do outro. E esse outro, para vocês professores, são os alunos. Quanta diversidade!

A missão do professor não e só transmitir conteúdos e conhecimentos, ensinar o alfabeto e preparar os alunos para o vestibular. Se o trabalho do professor fosse desenvolvido conforme se faz um planejamento, seria tudo mais fácil. Mas, bem sabemos que a cantiga é completamente diferente.

Ser professor é um desafio constante, pois sobre vocês recaem muitas exigências e responsabilidades. São referências para os seus alunos e, em certas situações, fazem o papel da família. Ser professor é acolher com carinho aquele aluno que se encontra abatido e sem rumo. Ser professor é dar dignidade ao ser humano que está em processo de autoconhecimento por meio da racionalização. Ser professor é cultivar esperanças por meio do conhecimento.

O cenário da educação está tão difícil, é verdade, e vocês tem propriedade para falar dessas dificuldades. Quantas situações no dia a dia tiram a paz e o sossego de vocês. Por isso, não se esqueçam do cuidado pessoal. Cuidem da mente, do físico e cultivem uma boa espiritualidade.

Nesta noite queremos rezar especialmente por vocês, professores, para que não desanimem da vocação de ensinar. Sabemos muito bem como é difícil lidar com o ser humano, todos nós temos as nossas falhas e limitações. Entre vocês professores, haja unidade, ajuda mútua, projetos em comum, criatividade… busquem alternativas que não sejam medicamentos como o Alprazolam, Rivotril e Zolpidem. Deixem essas opções para o último caso e com as orientações médicas!!!

É necessário cultivar uma vida de oração e uma espiritualidade madura e encarnada na nossa realidade de vida. Não nos esquecemos que a centralidade da nossa fé está em Jesus, o verdadeiro mestre. O salmo 102 diz que “O amor do Senhor Deus por quem o teme é de sempre e perdura para sempre” (Sl 102). E é essa certeza que devemos trazer em nossos corações. É na confiança de que somos protegidos e abençoados pelo nosso Deus, Pai e Criador, finalizo com o poema de Santa Teresa D’Ávila – Nada te perturbe.

Nada te perturbe, nada te espante,
Tudo passa, Deus não muda,
A paciência tudo alcança;
Quem a Deus tem, Nada lhe falta:
Só Deus basta.

Eleva o pensamento, Ao céu sobe,
Por nada te angusties, Nada te perturbe.
A Jesus Cristo segue, Com grande entrega,
E, venha o que vier, Nada te espante.
Vês a glória do mundo? É glória vã;
Nada tem de estável, Tudo passa.

Deseje às coisas celestes, Que sempre duram;
Fiel e rico em promessas, Deus não muda.

Ama-o como merece, Bondade Imensa;
Confiança e fé viva, Mantenha a alma,
Que quem crê espera, Tudo alcança.

A maldade, a injustiça,
O abandono, não ameaçará,
Quem a Deus tem,
Mesmo que passe por momentos difíceis;
Sendo Deus o seu tesouro, Nada lhe falta.

Ainda que tudo perca, Só Deus basta.