Pastorais e entidades promovem café com prosa sobre a reforma da Previdência

Dom Guilheme Werlang: “Precisamos de uma reforma inclusiva, para melhorar nossos direitos e não diminuí-los”

Inspirado no papa Francisco, o bispo de Ipameri (GO) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para o Serviço da Caridade, Justiça e Paz da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Guilherme Werlang, chamou atenção para a “Mesa Comum”, durante o evento Café com Deputados com o tema “Queremos uma reforma da Previdência Social e Inclusiva”, que ocorreu ontem, quinta-feira, dia 16, no Centro Cultural de Brasília (CCB). “Estamos aqui em volta da mesa, todos e todas, movimentos, organizações, Igrejas, unidos num só objetivo, que é a luta do povo, dos mais pobres. Nosso líder [papa Francisco] nos ensina sobre a Casa Comum, e aqui a mesa comum é a saída para a humanidade”, afirmou.

O café da manhã reuniu representantes de cerca de 50 movimentos, entidades e organizações sociais, além das Pastorais Sociais, que já estavam reunidas em encontro. O objetivo deste evento foi afinar ideias e estratégias junto aos deputados contra a reforma da previdência proposta pelo Poder Executivo Federal. Com exposição do senador Paulo Paim e do economista Guilherme Delgado, a atividade primou pela união de diversos movimentos junto aos parlamentares.

“Precisamos de uma reforma inclusiva, que não seja para excluir, mas para melhorar nossos direitos e não diminuí-los. Por isso, é necessário que o povo se manifeste. É importante que os líderes da área política ou do judiciário sempre vejam que a autoridade maior é o povo. E quem está em governo tenha noção de que é um servidor do povo”, falou o bispo.

Dom Guilherme voltou a falar que o momento é de união e não de divisões, pois as forças que estão “destruindo os direitos” têm interesse na fragmentação dos movimentos sociais, na divisão do povo. “Nós das Pastorais Sociais da CNBB, junto com os que estão na organização deste evento, estamos felizes de fazer esse debate. É assim que vamos construir uma sociedade totalmente justa e não mais justa. É na totalidade que queremos chegar. Quando não tivermos nenhum pobre, aí sim estaremos vivendo num país que é de direito de todos”, refletiu.

O Café da Manhã com Deputados “Queremos uma reforma da previdência social e inclusiva” foi realizada pelo projeto Direitos Sociais e Saúde: Fortalecendo a Cidadania e a Incidência Política, executado pelo Programa Justiça Econômica, do qual fazem parte o Grito dos Excluídos Continental, as Pastorais Sociais da CNBB, Pastoral da Saúde, rede Jubileu Sul Brasil e Comissão Brasileira Justiça e Paz (CBJP).

Fonte: CNBB

Palavra do Bispo

Foto de perfil de Dom Marco Aurélio

Dom Marco Aurélio

É o atual Bispo da Diocese, sua ordenação episcopal aconteceu no dia 26 de maio de 2013. Foi nomeado Bispo da Diocese por sua Santidade Bento XVI, hoje Papa Emérito, no dia 21 de fevereiro de 2013, tomando posse no mesmo ano, na Festa da Diocese, em Itabira - MG.

Atividades

DomSegTerQuaQuiSexSab
 

1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

 
 « ‹jul 2017› »