Construindo um história de Amor e Dedicação

Queridos Diocesanos,

                Final de ano é tempo de fazer balanço. É comum nas empresas o fechamento das portas para avaliar o movimento de um ano em detrimento do novo ano que se aproxima. Na Igreja não precisamos fechar as portas para fazer balanço, entretanto, é necessário um olhar atento no Plano da Ação Evangelizadora e Pastoral e avaliar o seu desenvolvimento. Nesta reta final do ano, vale a pena apresentar alguns itens que foram realizados e que ainda se realizarão previstos no calendário pastoral 2015. Uma atenção para as atividades referentes ao Jubileu da Diocese.

                Desde o ano passado, a  Diocese se debruça sobre um calendário de atividades alusivas ao ano do seu cinquentenário e de trabalhos pastorais. Neste Ano Santo, bispos, padres, religiosos e religiosas, seminaristas, candidatos ao diaconato permanente, lideranças e fiéis leigos e leigas foram contemplados com devidas e justas homenagens.

                Ainda no final de 2014, os bispos eméritos Dom Lelis Lara e Dom Odilon Guimarães Moreira, foram condecorados em Missas alternadas na Catedral Diocesana e na Co-catedral de Cel. Fabriciano. A Diocese também se lembrou carinhosamente dos seus bispos e   padres falecidos que ajudaram a construir meio século de história.

                A Província Eclesiástica de Mariana, composta pela Arquidiocese de Mariana, e pelas Dioceses de Caratinga, Governador Valadares e Itabira-Cel. Fabriciano fez a sua homenagem à Diocese de Itabira-Cel. Fabriciano realizando uma reunião da Província na cidade de Itabira, a qual foi presidida pelo Arcebispo de Mariana, Dom Geraldo Lyrio Rocha, contando com a presença de bispos, padres, religiosos e religiosas e fiéis leigos e leigas representantes de pastorais das quatro dioceses.

                O ponto alto do jubileu foi a Festa da Diocese de 2015. Um dia memorável preparado com muito esmero para os diocesanos de diversas cidades, representantes das três Regiões Pastorais e das 49 paróquias. Neste dia, a Diocese ganhou dois livros, verdadeiros instrumentos de trabalho e pesquisa. Os livros são: o Plano da Ação Evangelizadora e Pastoral (2015-2019) e o livro dos cinquenta anos de história da Diocese. O primeiro é fruto da Assembleia Diocesana de 2014, que priorizou a Família e a Missão, e trouxe os clamores: Meio Ambiente, Pastorais Sociais e Juventude; o segundo trata-se de um excelente livro de história da nossa Igreja, um memorial dos 50 anos da Diocese de Itabira-Cel. Fabriciano.

                Durante o ano do cinquentenário da Diocese, três novos  padres foram ordenados presenteando, dessa forma, a nossa Igreja Particular. As missas de ordenação foram propícias para uma promoção vocacional no intuito de animar os corações dos jovens que se encontram em discernimento vocacional e reacender o amor dos padres pelo seu sacerdócio ordenado.

                Além das atividades contidas na programação do Ano Jubilar (2014-2015), outras atividades entre as pastorais e movimentos foram realizadas para celebrar o jubileu. Sinto-me feliz por ver o carinho dos líderes à frente de suas funções servindo com alegria, nesta Diocese. Todos os colaboradores de nossas comunidades se sintam incluídos nos meus agradecimentos, e preparados para continuar essa história de amor e dedicação.

Dom Marco Aurélio Gubiotti
Bispo Diocesano de Itabira-Cel. Fabriciano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *